As maravilhas do passado, a vibração moderna

O itinerário Três Continentes da Celestyal é uma jornada épica pelo mar aos ícones culturais da Europa, Ásia e África em apenas 7 noites. Sua descoberta do Cairo, o cruzamento do Oriente Médio, começa em Port Said na costa mediterrânea do Egito. Port Said cresceu para servir o Canal de Suez, considerado um divisor entre a África e a Ásia, e apesar de sua fundação em 1859 fazer dele um novato nesta parte do mundo, o porto conserva muitas casas antigas com varandas originais e uma atmosfera à beira-mar mundana. Cairo, por sua vez, mistura sua antiguidade com uma vibrante energia árabe contemporânea e é um mistério para a maioria dos visitantes, mas não para os egípcios, para quem é simplesmente Umm Ad Dunya, a mãe do mundo. Com cerca de 22 milhões de habitantes atualmente, a expansiva capital egípcia foi fundada como uma cidade real do Califado Fatímida em 969 d.C. Hoje a cidade nos apresenta uma composição magnífica de mesquitas históricas, arranha-céus modernos, bazares encantadores e ainda um louco emaranhado de ruas com seu trânsito barulhento, incluindo avenidas que emanam a elegância da Belle Époque do século XIX e ruazinhas medievais bem preservadas ladeadas por monumentos da era fatimídia e mameluca. E, é claro, não podemos nos esquecer dos monumentos faraônicos, com destaque para as Pirâmides de Gizé que foram construídas há 4.500 anos. Ao oeste do Cairo, temos o maior dos complexos de pirâmides, a icônica Grande Pirâmide de Gizé e a mais antiga das Sete Maravilhas do Mundo Antigo. Mas a metrópole do Cairo por si só já é algo maravilhoso, com sua rica tapeçaria cultural e uma verve moderna de tirar o fôlego.

Consulte Mais informação

Ver todos os cruzeiros para Cairo

Pirâmides de Gizé e a Grande Esfinge

As Pirâmides de Gizé são um símbolo emblemático do Egito e como tal, são instantaneamente reconhecidas. Estes complexos funerários elaborados foram construídos há cerca de 4.500 anos com precisão geométrica extraordinária, provavelmente por equipes de milhares de agricultores egípcios. Acredita-se que eles se dedicavam às obras durante a estação das cheias, quando as águas do Nilo inundavam suas terras, e teria sido mais fácil mover as pedras para o local da construção. As três maiores e mais famosas pirâmides são a Grande Pirâmide de Khufu (com 147 metros de altura e também conhecida como a Grande Pirâmide de Gizé ou de Quéops), a Pirâmide de Quéfren e a Pirâmide de Miquerinos. A escultura monumental mais antiga e mais icônica do mundo, a Grande Esfinge, está um pouco mais abaixo no vale, na margem oeste do Rio Nilo. Provavelmente construída durante o reinado do Faraó Quéfren (2558 a 2532 a.C.) no período do Antigo Império e medindo 73 metros da pata à cauda, a figura mítica tem o corpo de um leão e a cabeça de um homem com seu olhar fixo firmemente no vasto horizonte do deserto, misterioso como sempre. O Grande Museu Egípcio será o maior museu arqueológico do mundo quando abrir em Gizé (a abertura está planejada para 2021).

Museu Egípcio

O Museu de Antiguidades Egípcias, no coração do Cairo, é um dos mais importantes museus arqueológicos do mundo e abriga cerca de 120.000 artefatos em seu edifício histórico com uma cúpula impressionante, no lado norte da Praça Tahrir. Foi projetado por um arquiteto francês e construído por uma empresa italiana em 1902 e guarda a maior coleção de antiguidades faraônicas do mundo. Aqui encontramos os magníficos tesouros de Tutancamon e outros grandes faraós, além de múmias, joias antiquíssimas, artefatos de túmulos, utensílios domésticos e até mesmo brinquedos egípcios. No térreo há mostras de papiros e moedas e o átrio é dominado por grandes sarcófagos e estátuas da época do Novo Império (1550 a.C. a 1069 a.C.). O andar superior exibe antiguidades das tumbas de faraós notáveis, bem como artefatos do Vale dos Reis. Ali podemos ver objetos intactos das tumbas de Tutancamon e Psusenes. As múmias dos faraós e dos membros das famílias reais estão expostas em duas salas dedicadas no andar superior.

Mesquitas históricas

A Grande Mesquita de Muhammed Ali Pasha no Cairo fica dentro da Cidadela do Cairo, um complexo de fortaleza do período islâmico medieval. A Mesquita, também conhecida como Mesquita de Alabastro, foi concluída em 1848. Não menos icônica e mais antiga, a Mesquita de Al Azhar, fundada em 970 d.C. A mesquita tem uma combinação de estilos arquitetônicos que inclui influências do Egito antigo, gregas, romanas e até de igrejas cristãs coptas. A mesquita passou também por várias ampliações realizadas pelos mamelucos e otomanos. A universidade aqui já atraiu estudantes de todo o mundo islâmico, bem como da Europa, e o sheik da mesquita de Al Azhar ainda é a mais alta autoridade religiosa para os muçulmanos do Egito. A seção mais antiga é o pátio central. Um trio de minaretes que se erguem do Sul ao Norte são dos séculos XIV, XV e XVI respectivamente. O “mais novo” apresenta um belo florão duplo acrescentado pelo Sultão Al Ghouri (que tem sua mesquita e seu mausoléu também próximos dali). Após a entrada principal, passando pela porta do lado esquerdo está uma câmara funerária com um impressionante mihrab, ou nicho voltado para a Meca. Outra estrutura monumental é a Mesquita-Madrassa do Sultăo Hassan, que se destaca do panorama urbano como uma fortaleza encantada. Ela foi concluída em 1363 durante o período do Sultanato Mameluco no Egito.

Khan el-Khalili e Sharia Al Muizz

Um passeio pelo exótico bazar Khan el-Khalili do Cairo é mais do que uma simples oportunidade para compras: é uma verdadeira viagem no tempo, uma volta ao passado. Um verdadeiro sogb do Oriente Médio, esta enorme reunião de lojas e oficinas de artesanato é o local onde os habitantes do Cairo encontram de tudo, pedras semipreciosas, temperos, sabões artesanais e muito mais, desde o século XIV. Há uma grande variedade de comerciantes e artesãos vendendo lembranças únicas, luminárias decorativas e tantas outras coisas diferentes neste bazar característico. Há ainda seções separadas para os serralheiros que trabalham com cobre, comerciantes de especiarias e vendedores de ouro. Em geral, as lojas permanecem abertas das 9h até depois do pôr do sol, exceto nas manhãs de sextas-feiras e aos domingos. E é claro, você deve sempre tentar pechinchar com os vendedores no bazar!

O bairro de Sharia Al Muizz, assim chamado em homenagem a Fatimid, conquistador do Cairo, fica ao norte da área dos vendedores de ouro de Khan el-Khalili e sua seção mais bonita é a Bayn al-Qasrayn, uma praça recém-renovada localizada entre dois antigos complexos palacianos mamelucos. Encante-se com a atmosfera mágica dos antigos minaretes, das cúpulas e dos edifícios com elaboradas fachadas listradas em pedras. Durante o dia é uma área de pedestres, perfeita para passear pelas lojas e ver os narguilés (cachimbos de água) e artigos de cobre à venda com tranquilidade ou simplesmente se maravilhar com o notável conjunto da arquitetura egípcia medieval.

Nossos melhores cruzeiros

Começando de
$1019
7 Noites

Sailing: 26 julho 2021

7 Noites Arquipélago Lendário

Começando de
$489
3 Noites

Sailing: 4 agosto 2021

Egeu Idílico – 3 Noites

Começando de
$599
4 Noites

Sailing: 31 julho 2021

Egeo Idílico – 4 Noites

Começando de
$729
7 Noites

Sailing: 31 julho 2021

7 noites de cruzeiro Idílico Egeu

Começando de
$819
3 Noites

Sailing: 30 agosto 2021

Cruzeiro de 3 noites Egeu Icônico

Começando de
$1299
7 Noites

Sailing: 16 outubro 2021

Cruzeiro de 7 noites Passos de São Paulo

Começando de
$1019
7 Noites

Sailing: 20 novembro 2021

Cruzeiro de 7 noites Três Continentes

Começando de
$1299
7 Noites

Sailing: 4 setembro 2021

Cruzeiro de 7 noites Egeu Idílico

Começando de
$1019
7 Noites

Sailing: 23 outubro 2021

Cruzeiro de 7 noites Egeu Eclético

Começando de
$1299

Sailing: 4 setembro 2021

Cruzeiro de 7 noites Egeu Idílico

Começando de
$599
4 Noites

Sailing: 25 outubro 2021

Cruzeiro de 4 noites Descoberta Icônica

Começando de
$599
4 Noites

Sailing: 30 agosto 2021

Cruzeiro de 4 noites Egeu Icônico

Começando de
$489
3 Noites

Sailing: 29 outubro 2021

Cruzeiro de 3 noites Descoberta Icônica